A proteção da infância contra conteúdos impróprios ou pornográficos está prevista na Constituição, consoante a classificação indicativa determinada pelos artigos 21, inciso XVI e 227. É esse o tema de um dos muitos artigos instrutivos disponibilizados no site https://infanciaefamilia.com.br, por meio do qual Guilherme Schelb concebe diversos conteúdos em defesa à criança e ao adolescente, principalmente quanto à preservação destes em face dos ataques violentos e sutis da pornografia infantil.

O seu idealizador enfatiza como as nossas crianças e adolescentes tem sido diariamente expostos a conteúdos pornográficos, seja pela música, pela mídia e até nas escolas e museus, de modo que é necessário que estejamos todos em estado de alerta e busquemos os meios legais para garantir que a dignidade das crianças e adolescentes seja por todos respeitada. Além de artigos e vídeos, no link acima é possível adquirir cursos e contratar treinamentos.

pornografia infantil

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

Postar Comentário